Livros

Corte de Asas e Ruínas- Sarah J. Maas

Autora: Sarah J. Maas

Lançamento: 2017

Páginas : 684

Volume: 3

Título Original: A Court Of Wings and Ruin

Tradução: Mariana Kohnert

Gênero- Categoria: Ficção Americana

Editora: Galera Record

Sinopse: Em Corte de Asas e Ruína a guerra se aproxima, um conflito que promete devastar Prythian. Em meio à Corte Primaveril, num perigoso jogo de intrigas e mentiras, a Grã-Senhora da Corte Noturna esconde seu laço de parceria e sua verdadeira lealdade. Tamlin está fazendo acordos com o invasor, Jurian recuperou suas forças e as rainhas humanas prometem se alinhar aos desejos de Hybern em troca de imortalidade. Enquanto isso Feyre e seus amigos precisam aprender em quais Grãos-Senhores confiar, e procurar aliados nos mais improváveis lugares. Porém, a Quebradora da Maldição ainda tem uma ou duas cartas na manga antes que sua ilha queime.

Opinião do Bananas: Livro incrível, apesar de meu favorito ainda ser o segundo.  Nesse volume é guerra, intriga, jogo de poder, personagens amadurecendo e arriscando a vida a cada 5 min de leitura.

No site da autora há informação de que pretende lançar mais livros sobre esse universo, contudo, Corte de Espinhos e Rosas é uma Trilogia. Há uma livro spin-off (Corte De Gelo E Estrelas) sobre a vida de Rhys e Feyre no Solstício de Inverno depois dos eventos de Corte de Asas e Ruínas que de acordo com o site, prepara para esses próximos livros desse mesmo universo. Por mim encerra nesse spin-off, mas vai entender cabeça de autor.

Tem algumas mortes e situações que eu mudaria, mas entendo por que foram feitas.

04 bananinhas

Livros

Corte de Névoa e Fúria – Sarah J. Maas

Autora: Sarah J. Maas

Lançamento: 2016

Páginas : 656

Volume: 2

Título Original: A Court Of Myst and Fury

Tradução: Mariana Kohnert

Gênero- Categoria: Ficção Americana

Editora: Galera Record

Sinopse: Nessa continuação, a jovem humana que morreu nas garras de Amarantha, Feyre, assume seu lugar como Quebradora da Maldição e dona dos poderes de sete Grão-Feéricos. Seu coração, no entanto, permanece humano. Incapaz de esquecer o que sofreu para libertar o povo de Tamlin e o pacto firmado com Rhys, senhor da Corte Noturna. Mas, mesmo assim, ela se esforça para reconstruir o lar que criou na Corte Primaveril. Então por que é ao lado de Rhys que se sente mais plena? Peça-chave num jogo que desconhece, Feyre deve aprender rapidamente do que é capaz. Pois um antigo mal, muito pior que Amarantha, se agita no horizonte e ameaça o mundo de humanos e feéricos.

Opinião do Bananas: Melhor livro da série até agora. Em névoa e fúria acompanhamos Feyre descobrir realmente quem Tamlin é e do que ele é capaz, como ele se mostra uma pessoa possessiva e abusiva que não se importa com o próprio povo. Todas as peças se encaixam nesse segundo livro incluindo o relacionamento Rhys e Feyre, seus novos poderes.

Uma das coisas que mais me encanta nesse mundo é a força e maturidade da personagem Feyre, como ela deixa de ser uma coisinha assustada pra se tornar uma guerreira de voz forte.

É um livro que apesar de grande você devora.

05 bananinhas

 

E Coisas

INSPIRAÇÃO CAPA DE LIVROS: Corte de Espinhos e Rosas

Voltei com mais maquiagem inspirada em capa de livros e dessa vez foi Corte de Espinhos e Rosas da autora Sara J. Maas.

Livros

CORTE DE ESPINHOS E ROSAS- SARAH J. MAAS

Autora: Sarah J. Maas

Lançamento: 2015 BR: 2017

Páginas : 431

Título Original: A Court of Thorns and Roses

Tradução: Mariana Kohnert Medeiros

Gênero- Categoria:Ficção Americana/ Fantasia

Editora: Galera Record

Sinopse: Ela roubou uma vida. Agora deve pagar com o coração. Nesse misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance. Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação. Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira — que ela só conhecia através de lendas —, a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la… ou Tamlin e seu povo estarão condenados.

Opinião do Bananas: Já havia lido coisas muito boas sobre essa Saga (??) inspirado em a Bela e a Fera. Começamos pela arte da capa, essa entra na lista de capas mais lindas da minha estante, com combinações de verde, roxo e preto, sendo que se torna ainda mais bonita que a capa americana (que não deixa de ser linda):

Entrando no quesito conteúdo e desenvolvimento, digo que, não há enrolação no enredo, a história tem personagens fortes. No inicio imaginei que seria bem clichê, porém mordi a língua pois me surpreendi muito com o desenrolar de tudo e com a evolução da protagonista.

O universo criado é apresentado o suficiente pra que complete a história do livro e dê gancho para os seguintes volumes. A sensação passada foi semelhante de quando li Feita de Fumaça e Osso, com a mesma dinâmica e fluidez.

04 bananinhas