Livros

Quem é Você, Alasca?- John Green

Título Original: Looking for Alasca

Autora: Jonh Green

Lançamento: 2005 BR: 2010

Páginas : 229

Tradução: Rodrigo Neves

Gênero- Categoria: Romance/ ficção Juvenil

Edição: Editora WMF Martins

Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebre últimas palavras – e está cansado de sua vidinha segura e sem graça em casa. Vai para uma nova escola à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o ” Grande Talvez”. Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young. Inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, Alasca levará Miles para o seu labirinto e o catapultará em direção ao “Grande Talvez”.

Opinião do Bananas: Eu tenho um relacionamento de amor e ódio com o João Verde, tem livros que não gosto e tem livros que amo mas Quem é você, Alasca é o que mais me deixou confusa, ora amava ora odiava.

O começo é meio monótono, o protagonista Miles cansado da vida, sem rumo, depois conhece um grupo de pessoas bem diferentes entre si e no meio delas a Alasca que tive ranço até o final do livro, personagem muito aleatória, impulsiva, irritante e perdida dentro de si, mas aparentemente foi essa a intenção do autor na construção da Alasca.

Primeiro livro do John Green, foi vencedor do Printz Award, da American Library Association.

A maneira como esse livro me deixou em conflito comigo mesma e minhas opiniões é o motivo dele ser tão bom, a história faz você sentir uma agonia por respostas e conclusões.

” O medo da inércia fez com que ela entrasse num estado perpétuo de movimento”.

“Nada é instantâneo. Duvido que um instante de dor intensa pareça instantâneo”

Agora um adendo sobre essa edição da Martins Fontes, a capa com uma aparência fosca e aveludada ao toque, com todo respeito, que horror viu, a capa é grudenta, fica suja fácil, mancha muito fácil. Horrível.

04 bananinhas
Livros

Tartarugas até lá embaixo- John Green

Título Original: Turtles All The Way Down

Autora: John Green

Lançamento: 2017

Tradução: Ana Rodrigues

Páginas: 272

Gênero: Ficção Americana/ Transtorno Obsessivo Compulsivo/Young Adult

Editora: Instrínseca

Sinopse: A história acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto tenta lidar com o próprio transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Repleto de referências da vida do autor – entre elas, a tão marcada paixão pela cultura pop e o TOC, distúrbio mental que o afeta desde a infância –, “Tartarugas Até Lá Embaixo” tem tudo o que fez de John Green um dos mais queridos autores contemporâneos. Um livro incrível, recheado de frases sublinháveis, que fala de amizades duradouras e reencontros inesperados, fan-fics de Star Wars e – por que não? – peculiares répteis neozelandeses.

Opinião do Bananas: Meu Deus! Como começar a falar sobre este livro?!?!?! Ok, primeiro a capa. Como a maioria das capas da Editora Intrínseca essa não deixa a desejar, simples e que se encaixa na história.

A história é maravilhosa e transmite tudo com uma realidade impressionante, a leitura é rápida o livro tem capítulos curtos.

A personagem principal mostra como é tentar viver uma vida normal e ainda batalhar constantemente com a própria mente que lhe força a ter comportamentos e pensamentos ansiosos e excessivos.

Gostei da descrição de tudo que se passa na mente de Aza e como ela analisa os acontecimentos a sua volta enquanto a confusão em sua mente se instala.

A forma como o autor descreve a ação que a medicação causa em Aza é incrivelmente detalhada, você sente a aflição da personagem em suas batalhas internas.

O autor ao final do livro junto de seus agradecimentos nos conta que também teve problemas com sua saúde mental, e agradece aos seus profissionais da saúde que o ajudaram a passar por isso, e finaliza dizendo:

“Pode ser um caminho longo e difícil, mas os transtornos mentais são tratáveis. Há esperança, mesmo que seu cérebro lhe diga que não.”

Em um vídeo postado no Canal da Editora Intrínseca o autor menciona que tem Transtorno Obsessivo Compulsivo. Segue Vídeo:

O livro é cheio de  ótimas frases como:

“A beleza é uma questão de atenção.”

“Você dá poder demais aos seus pensamentos, são apenas pensamentos. Eles não são você. Você pertence a si mesma.”

Em minha opinião é o melhor livro que li até hoje do John Green, tendo em vista que li apenas 2 creio que não seja uma opinião tão válida assim.

05 bananinhas.