Livros

Leituras Pós Sol da Meia Noite

De acordo com o site da autora Stephenie Meyer, essas são as leituras sugeridas pela mesma para depois de Sol da Meia Noite. A postagem Original segue nesse link.

Primeira indicação é uma série de 6 livros, chamada The Murderbot Diaries de Martha Wells:

É uma série de ficção científica que vai contar sobre um android projetado como uma Unidade de Segurança, que consegue se sobrepor ao seu módulo governador, permitindo-lhe desenvolver a independência, que é usada principalmente para assistir a novelas. À medida que passa mais tempo com alguns humanos atenciosos, começa a desenvolver sentimentos humanos, que lhe são inconvenientes.

The Murderbot Diaries Series by Martha Wells read and download epub, pdf,  fb2, mobi

A próxima sugestão é Um Estranho Sonhador de uma das minhas autoras favoritas Laini Taylor, livro esse que também faz parte de uma série e já foi lançado no Brasil.

O sonho escolhe o sonhador, e não o contrário e Lazlo Estranho, órfão de guerra e bibliotecário júnior, sempre temeu que seu sonho tivesse escolhido mal.

Desde os cinco anos, ele era obcecado pelos mistérios de Lamento, uma cidade mítica perdida. O que aconteceu lá duzentos anos atrás que a separou do restante do mundo? Que tipo de deuses existiam lá e foram mortos pelo Matador de Deuses? Essas respostas o aguardam em Lamento, mas também mais mistérios incluindo a deusa de pele azul que aparece nos sonhos de Lazlo.

Em Seguida temos Deathless Divide, de Justina Ireland sendo esse sequencia do Livro Dread Nation.

“Após a queda de Summerland, Jane McKeene esperava que sua vida ficasse mais simples: saia da cidade, permaneça viva e siga para o oeste, para a Califórnia, para encontrar sua mãe. Mas nada é fácil quando você é uma garota treinada para abater os mortos inquietos, e uma perda devastadora na estrada para uma vila protegida chamada Nicodemus faz Jane questionar tudo que ela pensava que sabia sobre a sobrevivência na América de 1880.”

Como próxima sugestão de leitura temos o livro de estréia da autora Megan Bannen: The Bird and the Blade, que em pesquisa inicial acredito ser livro único. Aqui trouxe apenas parte da sinopse.

” Escrava em Kipchak Khanate, Jinghua perdeu tudo: sua casa, sua família, sua liberdade. . . até que o reino seja conquistado pelas forças inimigas e ela se torne uma conspiradora improvável na fuga do Príncipe Khalaf e seu pai através do vasto Império Mongol.”

Indicação seguinte é O livros dos Mil Dias da autora Shannon Hale, que nos conta a história de  Lady Saren que ficará sete anos trancada em uma torre. O castigo, imposto por seu pai, é uma resposta à sua recusa de casar-se com o noivo escolhido pela família. Mas seu isolamento não será total, uma vez que Dashti, sua fiel criada, voluntariamente se fará prisioneira para servi-la e fazer-lhe companhia. O silêncio voluntário e as lágrimas constantes de Lady Saren tornam-se parte da dinâmica monótona dos dias. As únicas companhias verdadeiras da miserável criada são o gatinho Meu Senhor e as páginas de um diário.

Sinceramente não gostei da capa brasileira, segue abaixo:

Agora observemos outras capas do mesmo livro:

Pulando direto pra nossa penúltima indicação que é Anexos da autora Rainbow Rowell.

“Beth Fremont e Jennifer Scribner-Snyder sabem que alguém está monitorando seus e-mails de trabalho. (Todo mundo na redação sabe. É política da empresa.) Mas elas não conseguem levar isso tão a sério, e continuam trocando e-mails intermináveis e infinitamente hilariantes, discutindo cada aspecto de suas vidas. Enquanto isso, Lincoln O’Neill não consegue acreditar que este é agora o seu trabalho – ler os e-mails de outras pessoas”

Anexos | Amazon.com.br

E a última sugestão de Stephenie Meyer é uma trilogia que já tem seriado chamado as Crônicas de Shannara canceada depois de 2 temporadas. O livro indicado é A Espada de Shannara de Terry Brooks, seguido por As Pedras Élficas de Shannara e A Canção de Shannara

“Há muito tempo as Grandes Guerras do Passado arruinaram o mundo. Vivendo no pacífico Vale Sombrio, o meio-elfo Shea Ohmsford pouco sabe sobre esses conflitos. Mas o Lorde Feiticeiro, que todos julgavam morto, planeja regressar e destruir o mundo para sempre. A única arma capaz de deter esse poder da escuridão é a Espada de Shannara, que pode ser usada somente por um herdeiro legítimo de Shannara. Shea é o último dessa linhagem e é sobre ele que repousam as esperanças de todas as raças. Por isso, quando um aterrorizante Portador da Caveira a serviço do mal voa até o Vale Sombrio, Shea sabe que começará a maior aventura da sua vida.”

Livros

Leituras Abandonadas #1

Decidi criar coragem depois de um pequeno hiato (devido falta de criatividade e incentivo) de voltar a escrever, e como tópico discutiremos as leituras que abandonei e o motivo pro trás do desinteresse.

O primeiro livro é Fadas de Dreamdark – Blackbringer, da Editora Novo Século, primeiro livro da autora Laini Taylor que escreveu o maravilhoso universo de Feita de fumaça e osso , apesar de ser apaixonada pela escrita da autora ler Fadas de Dreamdark foi uma experiência tediosa. O livro possui uma escrita muito lenta com detalhes desnecessários que não permite um interesse imediato. Uma leitura realmente infantil, contudo acho difícil uma criança comum gostar de uma leitura de  mais de 200 páginas. Livro abandonado por volta do capítulo 10.

Ainda o tenho na estante pois foi um presente com direito a dedicatória fazendo assim ser uma lembrança da qual não desejo me desfazer.

O próximo livro é A Vidente da autora Hanna Howell em parceria com editora Lua de Papel, por esse logo no início senti desgosto tendo em vista que a história se passa no século 18 e não gosto muito de histórias de época. No primeiro par de capítulos abandonei a leitura por completo, sem maiores motivos apenas por não ter vontade de continuar leitura, sendo que é uma serie composta por 4 livros assim acabei doando o livro.

Nessa continuação de desistências temos Razão e Sensibilidade da Jane Austen, apesar de a edição da Martin Claret que li ser linda, com diagramação perfeita, capa digna de ser mostrada na estante, não vale a pena o tédio que se apoderou de mim lendo essa história, até o filme baseado nesse livro me deu sono (que sinceramente é melhor que o livro pois foi bem resumido.) Me desculpem o fãs desse livro mas não pude continuar tal leitura, espero que os próximos livros de Jane Austen sejam melhores.

Meu problema com Razão e Sensibilidade foi as descrições absurdamente cheias de detalhes que para a história não são tão importantes, contudo consegui ler um pouquinho mais da metade. Tive esse mesmo problema com Madame Bovary que terminei de ler com muita luta.

O último livro dessa lista até o momento é A menina que roubava livros do Markus Zusak, da Editora Intrínseca, que ao contrario do normal foi ao longo da leitura que o abandonei, a escrita não é tão atrativa e  a história não desenvolveu a ponto de me fixar na leitura assim simplesmente o deixei de lado.

Assim como Razão e Sensibilidade, A menina que roubava livros ainda permanecem em minha estante apenas para apreciação da beleza da capa.

Tenho certeza que ao longo da minha vida como leitora haverão outros livros dos quis perderei o interesse e sempre que houver posto mais sobre estes.

Livros

Livros com Seres Sobrenaturais Diferentes

Hoje é fácil fazer uma lista de livros com histórias de sereias, vampiros, e lobisomens por que existem muitos livros com esses mesmo seres, mas ainda existem aqueles autores que nos surpreendem com uma criatividade de criar novos “seres”.

Aqui mostro alguns exemplos, podendo depois fazer outras listas atualizadas.

A primeira da qual gostaria de falar é da Trilogia Wake da autora Lisa Mcmann que tem post aqui (Wake, Fade e Gone), apesar de não ser necessariamente um ser sobrenatural mas uma pessoa com habilidades sobrenaturais, a personagem tem uma habilidade bem diferente ela é sugada esteja ela dormindo ou não para dentro dos sonhos de outras pessoas, ou seja, ela é um apanhador de sonhos! Incrível né?! Pois é também achei apesar de toda a trilogia ser bem água com açúcar em certas partes.

Uma nota ainda para o livro A peculiar Tristeza Guardada num Bolo de Limão da Aimee Bender que também fala de uma pessoa com habilidades sobrenaturais e nesse caso a protagonista tem a habilidade de saber o sentimento da pessoa que fez ou produziu o alimento que ela ingerir. Falei dele aqui.

Em segundo lugar, falaremos de Emma a metade vampira metade Valquíria retratada em Desejo Insaciável da Kresley Cole, tem post aqui. Até esse livro ainda

não tinha visto uma história sobre Valquírias e nessa série Imortais tem muitas delas.

 

 

 

 

Em terceiro temos a história de uma Golem (criatura de barro da mitologia Judáica) e um Gênio (mitologia Árabe), duas criaturas únicas, que nunca tinha lido sobre, escritas pela autora Helene Wecker no livro Golem & o Gênio.

 

 

 

 

 

O quarto livro é Feita de Fumaça e Osso da Laini Taylor (um dos meus favoritos) que além de falar de anjos fala ainda de Quimeras! Seres construídos com parte de outros

seres a partir de dentes. A história é incrível e foi a inspiração desse post. e Já conversamos sobre ele aqui.

 

 

 

 

E por último falo de Garota Tempestade da Nicole Peeler onde temos Jane True

que é apenas metade humana e a outra metade é uma selkie (criaturas mitológicas da

Islândia, Irlanda e Escócia), fora ela tem diversos outro

seres estranhos, como homens pedra, kelpies, espírito de árvore, entre outros. Falei de Garota Tempestade aqui.

Encerro por hoje essa lista de livros com seres sobrenaturais na esperança de sempre encontrar autores com tal criatividade.

Livros

Sonhos com Deuses e Monstros- Laini Taylor

9788580576375Autora: Laini Taylor

Titulo Original: Dreams of Gods and Monsters

Tradução: Viviane Diniz

Lançamento: 2014

Páginas: 558

Gênero: Ficção Americana

Categoria: Fantasia/ Anjos/Demônios/ Monstros

Editora: Intrínseca

Sinopse: No esperado desfecho da série que conquistou milhares de fãs mundo afora, um inimigo maior une quimeras e serafins em uma batalha épica, e o amor tem enfim a chance de alcançar a redenção. Dois mundos se equilibram na iminência de uma terrível guerra. Na Terra, os humanos recebem com êxtase os anjos e seu imperador, que pretendem angariar armas para um combate maligno. Karou assumiu o controle da rebelião quimera e, ao menos na batalha contra o inimigo em comum, está, finalmente, ao lado de Akiva. É uma versão distorcida do tão antigo sonho dos dois, uma esperança de futuro para seus povos. E, talvez, para o amor que eles sentem renascer.

 

Opinião do Bananas: Como é um livro de 500 e tantas páginas é normal que seja um tanto maçante e confuso em alguns pontos da história. No começo, já inicia apresentando novos personagens a trama que se tornam importantes quase no final onde temos também muita tensão, traição, muitos detalhes no decorrer do livro que nos faz grudar e não largar mais até o fim, temos um exército de anjos invadindo a Terra, anjos se aliando quimeras, humanos passeando ‘entre mundos’ em minha opinião o segundo melhor livro (não gostei muito de dias de sangue e estrelas).

4

 

04 bananinhas 

Livros

Dias de Sangue e Estrela -Laini Taylor

dias-de-sangue-e-estrelasDias de Sangue e Estrela

Autora: Laini Taylor

Editora: Intrínseca

Publicado: 2012

Gênero: Ficção Americana/Fantasia

Sinopse: Karou, uma estudante de artes plásticas e aprendiz de um monstro, por fim encontrou as respostas que sempre buscou. Agora ela sabe quem é – e o que é. Mas, com isso, também descobriu algo que, se fosse possível, ela faria de tudo para mudar: tempos atrás Karou se apaixonou pelo inimigo, que a traiu, e por sua culpa o mundo inteiro foi punido. Na deslumbrante sequência de Feita de fumaça e osso, ela terá que decidir até onde está disposta a ir para vingar seu povo. Dias de sangue e estrelas mostra Karou e Akiva em lados opostos de uma guerra ancestral. Enquanto os quimeras, com a ajuda da garota de cabelo azul, criam um exército de monstros em uma terra distante e desértica, Akiva trava outro tipo de batalha: uma batalha por redenção… por esperança. Mas restará alguma esperança no mundo destruído pelos dois?

Opinião do bananas:

Mais uma vez meus parabéns a Designer Alison Impey pela linda capa desse segundo livro.

O universo criado pela autora é tão detalhado e diferente lado a lado com a escrita de fácil entendimento e boa separação de cenários, isso faz com que a atenção do leitor fixe total e completamente na leitura.

Sinceramente o primeiro livro é melhor, porém o segundo livro mostra o que acontece em Eretz no momento sem um ressurreicionista e conta o que está acontecendo na vida de Zuzana, mostra o lado tanto de Karou (que só aparece lá pelo 7º ou 8º capitulo eu acho…) quanto o lado de Akiva que nesse momento tem sua história contada com mais detalhes.

O fato de Karou não ser exatamente o foco no inicio dessa leitura faz com que se torne um pouco mais ‘real’ para o leitor todo esse universo criado pela autora.

“Ele está olhando para ela.”

“como sempre acontece quando estão juntos, é como se houvesse um estopim aceso queimando no ar que os separa.”

“Esta noite ele se permitem olhar um para o outro, apenas um pouco mais.”

03

03 banananinhas por que o primeiro foi melhor…

Livros

Feita de Fumaça e Osso – Laini Taylor

FEITA_DE_FUMACA_E_OSSO_1345917006PFeita de Fumaça e Osso

Autora: Laini Taylor

Editora: Intrínseca

Publicado: 2011

Gênero: Ficção Fantástica.

Sinopse: Pelos quatro cantos da Terra, marcas de mãos negras aparecem nas portas das casas, gravadas a fogo por seres alados que surgem de uma fenda no céu.
Em uma loja sombria e empoeirada, o estoque de dentes de um demônio está perigosamente baixo. E, nas tumultuadas ruas de Praga, uma jovem estudante de arte está prestes a se envolver em uma guerra de outro mundo.
O nome dela é Karou. Seus cadernos de desenho são repletos de monstros que podem ou não ser reais; ela desaparece e ressurge do nada, despachada em enigmáticas missões; fala diversas línguas, nem todas humanas, e seu cabelo azul nasce exatamente dessa cor. Quem ela é de verdade? A pergunta a persegue, e o caminho até a resposta começa no olhar abrasador de um completo estranho.

Opinião das Bananas: O leitor é apresentado a um novo tipo de seres sobrenaturais, a leitura vai se tornando cada  vez mais atrativa nada  maçante, um livro recheado de ação. É um livro com uma história completamente nova e diferente que fixa o leitor até o fim. Sem falar que a capa é linda! Com azul, preto e prata metalizados, uma arte muito bem feita e as fontes do título super criativas.

A personagem principal me chamou a atenção por não ser um “modelo perfeito de garotinha indefesa” que normalmente é usado em livros assim, é uma garota de um estilo alternativo com cabelo azul, tatuagens por todo o corpo e isso é algo novo, fora dos  padrões usuais.

 

“- Minha alma é sua, e sempre será, em qualquer mundo. Não importa o que aconteça… – Sua voz falhou, e ele respirou fundo. Preciso que você se lembre de que eu amo você.”

 

Para esse romance sobrenatural e proibido…

05

 

05 bananinhas